Legend of Grimrock 2

Legend of Grimrock 2 1.0

Uma segunda visita ao Grimrock

Com o seu movimento baseado em grade, timers de ataque, e um mundo de fantasia dark, Legend of Grimrock 2 vem com a mesma roupagem que o seu antecessor de 2012. Mas será que uma mudança de cena e interface de usuário refinada podem expandir o atrativo da primeira aventura em primeira pessoa, ou ainda é apenas para os devotos do gênero que desejam se aprofundar?
Ler descrição completa

PRÓS

  • D&D clássico com jogabilidade RPG
  • Mecanicamente tão bom quanto o primeiro
  • Menus e interface refinados
  • Várias ferramentas de edição que prolongam a vida útil do jogo

CONTRAS

  • Ambientes naturais estáticos
  • Ainda não é muito acessível para jogadores novatos
  • Difícil

Excelente
9

Com o seu movimento baseado em grade, timers de ataque, e um mundo de fantasia dark, Legend of Grimrock 2 vem com a mesma roupagem que o seu antecessor de 2012. Mas será que uma mudança de cena e interface de usuário refinada podem expandir o atrativo da primeira aventura em primeira pessoa, ou ainda é apenas para os devotos do gênero que desejam se aprofundar?

Um passo a frente, dois para trás

Uma curiosidade dessa nova configuração é o seu mundo mais natural. Praias, enseadas e florestas compõem apenas uma fração dos locais de Grimrock 2, nenhum dos quais são compatíveis com o movimento em ângulo reto do jogo. Enquanto isso não muda nem impacta sua estratégia cerebral, exigida pelo jogo, ele quebra um pouco a descrença que foi tão perfeitamente aplicada no original.

Apesar dessa mudança de cenário, a jogabilidade continua a mesma enquanto você anda ao redor da ilha para resolver enigmas e lutar contra monstros... ou devo dizer fugindo dos monstros, uma ou mais criaturas que andam a um passo de você, e que de vez em quando acabam lhe derrotando.

Esta é uma das outras esquisitices de lutar em ambientes abertos, já que ao lutar em uma floresta verdejante se nota uma boa mudança dos ambientes originais escuros e túneis sombrios, mas muitas vezes amplia as possibilidades de sofrer ataques inesperados. Lutar contra uma árvore-criatura minúscula foi uma experiência fácil no começo, mas quando apareceram duas, e depois duas na frente e uma atrás, ficou rapidamente evidente que até mesmo os inimigos mais insignificantes têm suas ameaças.

Complexidade simplificada

A outra grande mudança em relação ao original é a interface refinada. O primeiro jogo era mais despojado, que deixava você fazer seu próprio caminho pelo mundo às cegas. Enquanto a mentalidade "resolva você mesmo" está, certamente, ainda presente em Grimrock 2, ele não facilita para que você tenha uma chance de lutar. É uma concessão de boas-vindas, especialmente para os recém-chegados ao Grimrock ou Dungeons & Dragons (D & D), já que facilita a experiência de aprendizagem sem simplificar demais os sistemas centrais.

A base da jogabilidade permanece quase idêntica. Você se move em um espaço de cada vez e sofre ataques sob um temporizador bastante relaxado. Portanto, há um ritmo gerenciável para o mundo. O movimento é controlado pelas teclas WASD, junto com o mouse para navegar pelos menus, atacar, e olhar ao redor do ambiente. Procurando o mundo você vai encontrar diversos itens para ajudá-lo em seu caminho. Alguns deles são armas e roupas para aumentar as estatísticas do seu combate, enquanto outros abrem o caminho para a frente.

Sua equipe de quatro pessoas andam juntas pelo mapa, com dois membros na frente para dar proteção aos dois de atrás. Enquanto isso significa que aqueles na parte traseira estão melhor protegidos, eles também não têm o alcance para atacar, então você deve garantir que eles consigam fazer isso à distância, para que possam ajudar na batalha. Essa dinâmica fez com que eu me deparasse com meus lutadores da frente (no meu caso um minotauro e um ladrão), armados com paus e espadas, e com o mago mais fraco e o arqueiro na traseira. O sistema funcionou bem, mas ainda é necessária uma gestão cuidadosa dos ataques e itens de cura para sobreviver.

Mundo sólido

O mundo de Grimrock é um lugar estático. Enquanto no cenário subterrâneo do jogo original isso fez sentido, nos ambientes naturais da sequência ele torna tudo sem vida. Os detalhes e as cores vibrantes do mundo dão à ilha uma sensação natural quando combinados com este silêncio.

Andando pelas enseadas abertas ou florestas de árvores cheias, a folhagem sólida compromete a arte. Mas para todos os problemas da ilha é uma boa solução, já que oferece uma variedade constante para o mundo, algo que faltava no original.

Enquanto os ambientes exteriores podem parecer estranhamente mortos, nos edifícios e masmorras tudo começa a fazer sentido. Essas estruturas feitas pelo homem, com paredes de pedra não expostas não necessitam de movimento para serem reais e sua quietude aumenta o clima frio enquanto você desce em suas profundezas.

Mais do mesmo, ainda fantástico

Se você ainda não jogou o Legend of Grimrock original, então, sem dúvida, é por onde você deve começar. Mas para os veteranos da série, Legend of Grimrock 2 é uma continuação fantástica da fórmula clássica de D&D.

Legend of Grimrock 2

Download

Legend of Grimrock 2 1.0

— Opinião usuários — sobre Legend of Grimrock 2

  • hellmordred

    por hellmordred

    "Para quem curte jogos oldschool"

    Para quem curte jogos oldschool, nao e recomendado para jogadores novatos que nao gostam de dungeon crawl. Mais.

    escrito em 4 de outubro de 2015